quarta-feira, 29 de junho de 2016

Chico Abelha... e seus vídeos sobre o homem simples!

Olá gente bonita, boa noite!

Foto: Chico Abelha, década de 80
Fonte: Acervo de Chico de Abelha
Hoje é dia de falar de gente que gosta de gente, acima de tudo, gente simples. 

No ultimo dia 23 Francisco José Lacaz Ruiz, mais conhecido como Chico Abelha, completou 59 anos de vida e nada mais justo trazer a história daquele que busca preservar a nossa história. A sugestão dada pelo leitor Flávio Augusto de fazermos uma postagem sobre o Chico nos dá a honra e o privilégio de mergulharmos nas mais ricas histórias das pessoas mais simples da nossa região. Através do seu trabalho, Chico Abelha nos possibilita conhecer lugares e costumes que andam um pouco engolidos pelo poder do avanço tecnológico. 

Nascido em São José dos Campos, viveu entre o Rio de Janeiro e São Paulo até seus 15 anos de idade. Por volta de seus 20 anos "correu o mundo", como ele mesmo diz. Morou em Monteiro Lobato e há 8 anos reside aqui em São José dos Campos. 

É um homem que acredita no próprio homem, acredita que homem ainda tem jeito de dar certo. Sua religião é seguir seu coração, ao lado de sua esposa, Adriana Abelha. 

Chico Abelha se formou na escola da vida depois de ter fugido das faculdades de agronomia, arquitetura e artes plasticas. Há 3 anos vem nos presenteando com seus belíssimos filmes sobre cultura popular, o qual realiza de forma voluntária e por conta própria. 

Foto: Chico Abelha, anos 2000
Fonte: Acervo de Chico de Abelha
Na escola da vida aprendeu que a cultura popular é muita mais rica do que aquilo que se aprende nos bancos das escolas e isso ele sentiu na pele na década de 70, quando foi morar na roça e precisou de ajuda para construir sua casa, mexer na terra e criar galinhas. É um homem cujo seu ídolo é aquele homem simples do campo, aquele que ninguém conhece mas dá o suor e sangue para que haja comida em sua mesa. 

Busca inspiração na roça e seus habitantes. E seu plano para o futuro é fazer o que mais gosta: registrar a cultura popular e divulgá-la numa linguagem na qual os jovens de espirito sejam beneficiadas. É um homem que quer deixar como seu legado o registro da cultura popular e alguns vídeos de memórias de seus habitantes notórios e não tão notórios assim... que estão em seu canal na internet: 
https://www.youtube.com/user/chicobee/videos

Grande Abraço,
Eduardo Caetano

Fonte de Pesquisa:



.