quinta-feira, 10 de março de 2016

Carlos Abranches, um fomentador de boas atitudes!

Bom dia "Cornetteiros",


Hoje a missão não é nada fácil: escrever uma boa história sobre um dos mais conceituados comunicadores da nossa região. Estamos habituados a vê-lo na bancada dos telejornais da Rede Vanguarda mas, Carlos Augusto Abranches, também é professor, palestrante, filósofo, músico, apresentador, psicanalista e escritor. E, se para ele, é marcante quando fica frente à frente com pessoas anônimas que o ajuda a realizar grandes reportagens, para mim, é fascinante poder escrever um pouco sobre sua trajetória sendo eu, mais um anônimo, no entanto, um anônimo a quem ele concedeu confiança e credibilidade.

Não haveria melhor dia para seu nascimento, Dia do Repórter, 16 de fevereiro. Natural de Juiz de Fora (MG), veio para São José dos Campos, em fevereiro de 1995, à convite da Rede Globo Vale do Paraíba e está trabalhando na Rede Vanguarda há 21 anos.

Foto: Carlos Abranches apresenta seu novo livro ‘A casa que mora em mim'. 
Fonte: Marcelo Caltabiano

Com uma formação acadêmica de dar inveja a qualquer um - Filosofia (UFJF), Comunicação (UFJF), Música (Violão clássico pelo Conservatório de Minas Gerais), MBA em Recursos Humanos, MBA em Gestão de Negócios e Psicanálise – e atuando em diversas áreas da comunicação, Carlos Abranches, tem na essência do seu trabalho, trazer boas notícias aos telespectadores, amenizando um pouco a dureza de existir de cada um. Através de cada programa, cada entrevista, cada escolha de tema, ele renova seus convites pessoais para que pensemos num futuro melhor para nossos filhos e nossa comunidade. 

Por admirar algumas pessoas mas também por já ter vivido o suficiente para se desiludir de expectativas exageradas de tantas outras, busca no Espiritismo, na sua família, nos seus três filhos, superar-se todos os dias, renovando suas lutas, reafirmando seus valores e suas convicções. Assumiu seus desafios pessoais e profissionais com fé, coragem, dedicação e comprometimento desde que chegou a São José dos Campos e, hoje, sente-se plenamente integrado à dinâmica de vida da nossa cidade e em toda nossa região. 

Foto: Carlos Abranches participando da Ciranda de Poesia
Fonte: 
http://www.ovale.com.br

Em meados do século passado o escritor suíço Denis de Rougemont dizia: "A decadência de uma sociedade começa quando o homem pergunta a si próprio: 'O que irá acontecer?' em vez de inquirir: 'O que posso fazer?'" e, respondendo a esta pergunta, Abranches desacredita na decadência da nossa sociedade e quer prosseguir, principalmente, com seu trabalho de jornalista com o objetivo principal de incentivar boas atitudes em um número cada vez maior de pessoas. Além disso, deseja aprofundar suas atividades como psicanalista, pois tem uma clínica e sua relação com pacientes, que o procuram para melhorar seu conforto emocional diante dos desafios da vida, vem aumentando gradativamente.

Portanto, sintamo-nos honrados e escolhidos por termos em nosso meio um fomentador de boas ideias e de boas atitudes.

No mais, obrigado Abranches, pela oportunidade e pela atenção dada ao Pode Cornettah!

Grande Abraço,

Eduardo Caetano


Fonte de pesquisa: